Turismo de Galpão está próximo de ser implantado no município caxiense

O projeto de lei 110/2018, que busca implantar o Turismo de Galpão no município caxiense, passou em segunda discussão na plenária desta quinta-feira (16/05) com voto unânime dos parlamentares. Assinada pelo vereador Ricardo Daneluz/PDT, para virar lei, a matéria precisa da sanção do poder Executivo. Pela proposta do parlamentar, o Turismo de Galpão, caso ser implantado por lei, deve ser promovido anualmente durante os Festejos Farroupilhas, que ocorrem tradicionalmente em setembro.

No texto, Daneluz ressalta que é uma estratégia de hospitalidade com o intuito de promover a cultura gaúcha. Como exemplo, cita o Turismo de Galpão na Semana Farroupilha de Porto Alegre, que ocorre no Parque Maurício Sirotski Sobrinho, popular Parque da Harmonia, e oferece aos visitantes diversas atividades: caminhadas guiadas, oficinas, gastronomia, palestras e programações culturais.

O vereador pedetista informa que Caxias do Sul é a cidade que mais possui entidades tradicionalistas no Rio Grande do Sul, sendo, atualmente, 92 Centros Tradicionalistas Gaúchos (CTGS), por isso se autointitula “Capital Mundial dos CTG’s”.

“Em nosso município é realizada a maior Semana Farroupilha da Serra Gaúcha e uma das maiores do Estado do Rio Grande do Sul. É um momento em que recebemos milhares de pessoas, muitas dessas tradicionalistas, participantes de entidades gaúchas, entre outros tantos visitantes que podemos considerar turistas. Tanto o turista quanto o morador local chegam com a expectativa de conhecer mais da cultura campeira, participar e ter novas experiências”, relata Daneluz, que costuma usar a vestimenta tradicionalista (bombacha, camisa, lenço e bota) durante as sessões.

O vereador acrescenta que o Turismo de Galpão proporciona uma vivência desde a chegada à Casa do Turista, onde ocorre a recepção, seguindo para caminhadas guiadas, palestras sobre a cultura gaúcha, oficinas de chimarrão, churrasco, carreteiro, vestimentas e encilhamento de cavalos, entre outros.

A iniciativa de Daneluz recebeu elogios e apoio dos parlamentares Elisandro Fiuza/PRB, Gustavo Toigo/PDT e Renato Nunes/PR, durante a segunda discussão, na plenária de hoje (23/05). Fiuza considerou a matéria de “extrema importância”. Toigo acredita que ela vem para valorizar o tradicionalismo e a política cultural e se agregar ao desenvolvimento econômico. “O Turismo de Galpão está em sintonia com a região. Aqui ocorreu uma simbiose das culturas europeia e luso-brasileira, resultando na ítalo-gaúcha, e precisamos tirar proveito disso, num bom sentido”, defende o pedetista.

Nunes recordou de um poema mais ao estilo gaúcho que fez para seu pai. Na opinião do republicano, o PL 110/2018 ajuda a “enaltecer, fomentar e divulgar mais nossas tradições e raízes”.

Compartilhe esse post

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on google
Share on print
Share on email