R$663,40 será o ticket médio investido nas compras de Black Friday

Com a aproximação da Black Friday, realizada em 29 de novembro, a CDL Caxias do Sul elaborou a pesquisa de intenção de compras dos consumidores caxienses para a data. Os dados foram apresentados em coletiva de imprensa, na manhã desta quarta-feira (20/11), no Palácio do Comércio.

Apesar do crescimento da Black Friday no país, e da tentativa das empresas e entidades em consolidar a data no calendário anual, 50% dos entrevistados não pretende ir às compras. O principal motivo é a desconfiança em relação às promoções apresentadas. Em compensação, para os que têm intenção de comprar (34%), o ticket médio apresenta um valor bem acima da média, em um comparativo às outras datas comemorativas: R$ 663,40. Uma das motivações, segundo o presidente da CDL Caxias, Ivonei Pioner, é a espera que os consumidores têm para a data. “Muitos consumidores esperam o ano inteiro para adquirirem os produtos com a economia encontrada na Black Friday. É bom para as empresas, que conseguem fidelizar clientes ao longo do ano para trazer esse resultado, e para os consumidores, que olham essa data como uma compra ‘merecida’, em que adquire os produtos que já desejava há longo prazo”.
Nos segmentos mais procurados para a data, Móveis aparecem como a opção preferida para 15,24%. Outros produtos entre os mais procurados são os Eletrodomésticos (14,29%), Roupas e Acessórios (12,86%), Eletrônicos (12,38%) e promoções de Serviço, como descontos em academia, viagens e beleza (10%). O principal diferencial da Black Friday em relação às outras datas comemorativas é a motivação de compra – enquanto as outras costumam estar relacionadas a presentear outras pessoas, esta costuma ser uma compra para uso próprio. O dado se confirma também na pesquisa, na qual 82% dos entrevistados afirmaram que os produtos adquiridos na data não serão presentes.
Para a compra, o dinheiro ainda é o principal meio de pagamento, opção escolhida por 44% dos participantes da pesquisa. 31% opta pelo cartão de crédito e apenas 16% pretende utilizar o cartão de débito. Entre os compradores que têm intenção de parcelar, mais de 40% escolheu o pagamento em seis parcelas ou mais.
A tendência é que cada vez mais estabelecimentos participem da Black Friday nos próximos anos, consolidando a data e auxiliando em uma relação saudável de compra.

Compartilhe esse post

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on google
Share on print
Share on email