Projeto Governo Digital é apresentado em oficina do governo federal

O Projeto Governo Digital, iniciativa que tem como objetivo colocar o governo na palma da mão de todos os gaúchos, foi apresentado na manhã desta terça-feira (21/5) durante oficina organizada pelo governo federal, em Brasília. O projeto foi detalhado pelo diretor-geral do Escritório de Desenvolvimento de Projetos (EDP), Hiparcio Stoffel, e pelo diretor de Inovação e Relacionamento com Clientes da Companhia de Processamento de Dados do Estado (Procergs), Josué de Souza Barbosa.

A palestra integrou a abertura da “Oficina de Transformação Digital para integrantes da Rede Nacional de Governo Digital – Rede Gov.Br”, da qual participam também representantes de Goiás e do Distrito Federal.

Do governo gaúcho, estão presentes servidores da Secretaria de Governança e Gestão Estratégica (SGGE) – que lidera o RS Digital –, do EDP, da Procergs e da Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag).

Na apresentação, Stoffel destacou a importância do alinhamento do RS Digital com as estratégias federais. O Rio Grande do Sul foi o primeiro Estado a aderir à Rede Gov.BR, política federal que promove a união do fluxo de informações entre as administrações federal, estaduais e municipais e o compartilhamento de ferramentas e soluções tecnológicas.

“Nosso projeto surgiu da necessidade de ressignificar o que é o Estado para cada cidadão. Visa simplificar a vida do cidadão e oferecer 100% dos serviços na forma digital”, explicou.

Barbosa detalhou a situação atual do Estado nesse tema e o histórico recente do projeto, que tem a adesão à Rede Gov.BR entre os seus primeiros passos. “Iniciamos o processo em 2018 com a publicação de três decretos: compartilhamento de dados, identificação digital e Facilita RS”.

Entre os objetivos do Facilita RS, estão a simplificação de exigências e procedimentos, a disponibilização de plataformas digitais de autoatendimento e o fomento a medidas de acessibilidade.

Para o secretário-adjunto de Governo Digital do Ministério da Economia, Ciro Pitangueira de Avelino, o papel dos representantes dos Estados é “resgatar a confiança da sociedade para reduzir o atrito existente, promovendo desburocratização de processos e agilidade para o cidadão”.

Até quinta-feira (23/5), os servidores participarão de uma série de atividades, que têm como resultado a elaboração das linhas gerais do Plano de Governo Digital de cada Estado, com os componentes/eixos de trabalho, a estratégia para cada eixo e as ações que poderão ser desenvolvidas de forma conjunta entre Estados e governo federal.

Texto: Bianka Nieckel / Ascom EDP

Compartilhe esse post

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on google
Share on print
Share on email