Polícia prende ‘Mulher-Gato’, travesti suspeita de roubos e de ser amante de chefes do tráfico no RJ

A Polícia Civil do Rio de Janeiro (PC-RJ) prendeu Luana Rabelo, uma travesti conhecida como ‘Mulher-Gato’, suspeita de cometer roubos naquele Estado e de ser a amante de chefes do tráfico de drogas, no conjunto de favelas da Maré, na Zona Norte do Rio. As informações são do site G1.

O delegado Marcus Vinícius Amin, da Delegacia de Repressão a Entorpecentes, afirmou que a Polícia já monitorava Luana Rabelo para cumprir um mandado de prisão contra ela por roubo, com o objetivo de também apreender aparelhos celulares que ajudem em outras investigações.

Entre os crimes cometidos por Luana, está um golpe que terminou no roubo de um policial militar, em março deste ano. Segundo a Polícia, o agente aceitou oferecer carona a duas mulheres, na Rua Otacílio Novais, e foi surpreendido com o anúncio de um assalto. As criminosas colocaram uma faca no pescoço do PM eroubaram uma arma de fogo funcional e outros pertences.

Em outro episódio, em maio de 2017, a ‘Mulher-Gato’, junto do seu irmão gêmeo, roubou um entregador, disfarçando ser uma cliente. A dupla levou a motocicleta da vítima e outros pertences.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *